Serviço de contabilidade comercial é fundamental para empresas

A contratação de um serviço de contabilidade comercial está, sem dúvidas, entre os principais passos e cuidados para que uma empresa alcance o sucesso. Um serviço de contabilidade comercial é fundamental para prestar o suporte necessário no acompanhamento de mutações patrimoniais, situação cadastral da empresa, planejamento tributário, formação de preços, entre outros aspectos que necessitam do conhecimento de especialistas no assunto.

A G&S Contadores Associados atua no segmento de serviço de contabilidade comercial, oferecendo assessoria em recursos humanos, contabilidade e gestão empresarial de forma totalmente customizada para atender cada um dos clientes. Os clientes decidem como será seu projeto de consultoria, e podem valer-se do atendimento à distância ou misto, com a presença dos profissionais da G&S Contadores Associados em algumas etapas, de acordo com a necessidade de cada cliente, em especial.

Para que seus clientes alcancem sempre os melhores resultados, a G&S Contadores Associados trabalha para identificar oportunidades de redução de impostos, reorganização de trabalho e terceirização de departamentos administrativos, fiscais, contábeis e de recursos humanos.

Além do serviço de contabilidade comercial, a G&S Contadores Associados oferece a reestruturação da gestão das empresas com soluções para cada tipo de negócio e de atividade, pensadas por um time de profissionais com experiência comprovada, acompanhado de perto pelos diretores e sócios da G&S Contadores Associados.

Outros serviços contábeis prestados:

Mapeamento de benefícios fiscais;

Gestão de folha de pagamento

Planejamento, gestão e adequação tributária

Processo de gestão contábil / controladoria

Planejamento, revisão e gestão financeira

Principais Vantagens da Contabilidade Online

Área Exclusiva

Fornecemos uma área exclusiva em nosso site onde arquivamos digitalmente todos os documentos de nossos clientes, gratuitamente.

Atendimento Prático

Nosso suporte é realizado de forma prática por Skype, Whatsapp e Telefone diretamente com nossos profissionais.

Especializados em Nichos de Mercado

Nossa Contabilidade é especializada em nichos de mercado, proporcionando assim um atendimento personalizado e totalmente qualificado para sua empresa.

Agilidade no atendimento

Com o atendimento online suas dúvidas e solicitações são resolvidas de maneira ágil e prática.

Principais Dúvidas 

Para um empreendedor se tornar MEI, ele precisa cumprir alguns critérios. O primeiro é o limite de faturamento da empresa, que pode ser no máximo de R$ 81 mil ao ano. Então, se o empreendedor prevê um faturamento maior que esse, deve pesquisar outro tipo de empresa. A pessoa também não pode ser sócia de nenhuma companhia, nem que ela esteja inativa. Além disso, não é permitido ter sócios e é preciso exercer uma das 500 atividades previstas no Portal do Empreendedor.
O Simples Nacional é o nome abreviado do “Regime Especial Unificado de Arrecadação de Tributos e Contribuições devidos pelas Microempresas e Empresas de Pequeno Porte”. Trata-se de um regime tributário diferenciado, simplificado e favorecido previsto pela Lei Complementar nº 123, de 2006, aplicável às Microempresas e às Empresas de Pequeno Porte, a partir de 01/07/2007.
A Lei Complementar nº 123, de 2006, institui o Estatuto Nacional da Microempresa (ME) e da Empresa de Pequeno Porte (EPP). Ou seja, estabelece normas gerais relativas às ME e às EPP no âmbito dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. Ela abrange: • um regime tributário diferenciado – o Simples Nacional – e • outros aspectos relativos a licitações públicas, relações de trabalho, estímulo ao crédito, capitalização, inovação e acesso à justiça, entre outros.
Não. É necessário que a empresa regularize os débitos que possui junto à União, aos Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios no período de opção pelo Simples Nacional. (Base legal: art. 17, inciso V, da Lei Complementar nº 123, de 2006; art. 6º, § 2º, inciso I, da Resolução CGSN nº 140, de 2018.).
Sim. O MEI pode contratar até um funcionário. A remuneração do funcionário do MEI pode ser de, no máximo, um salário mínimo vigente, ou o piso salarial da categoria. A contribuição do MEI é de 11% INSS e 8% de FGTS referente ao salário pago ao funcionário. Desses 11% de INSS, 8% são descontados do salário do funcionário e 3% são de responsabilidade do MEI, ou seja, você mesmo paga. Dessa forma, os valores mensais podem se alterar com o passar dos anos, tendo em vista que tanto o salário mínimo como o salário base da categoria podem ser ajustados. No caso de funcionária com direito a salário maternidade, tal benefício será pago pelo INSS.
Não. Você terá ainda mais tempo para cuidar do seu negócio. Tudo que uma contabilidade tradicional faz, a G&S Contadores Associados também faz. Além disso, pela internet você controla tudo o que acontece na sua empresa.
Os documentos deverão ser digitalizados e enviados pelo sistema. E você pode tirar fotos pelo celular, juntá-las em um só arquivo e enviar pelo sistema. Documentos da empresa: Certificado Digital Tipo A1 Contrato Social de constituição digitalizado Última alteração do Contrato Social digitalizado Documento digitalizado do(s) sócio(s): RG e CPF ou CNH Comprovante de endereço
Sim, A G&S Contadores Associado oferece serviços de Terceirização de Folha de Pagamento para empresas que desejam melhorar sua gestão nos processos de departamento pessoal e recursos humanos. Assim, a G&S Contadores Associado consegue administrar as complexas e demoradas rotinas, incluindo todos os processamentos, e cálculos com garantia de resultado em tempo hábil

Gostou? Então entre em contato agora com a nossa contabilidade e solicite um orçamento sem compromisso.