WeCreativez WhatsApp Support
Bem-vindo ao nosso site, nossa equipe está pronta para ajudar.
Olá, como posso ajudar?

(81) 99610-7895 | 98582-7060

contato@gescontabilidade.com.br

COMO FAZER UM FLUXO FINANCEIRO EFICIENTE EM SUA ÓTICA

por Rafael

O fluxo financeiro é um dos instrumentos mais importantes para a gestão de uma ótica, porque
permite que o dono ou gestor do negócio tenha noções precisas e um alto controle das
movimentações financeiras que a empresa apresenta ao longo de um dado período.
Ainda que você não tenha ótimo conhecimento sobre sistemas ou computadores, vale a pena
investir em um sistema que crie e gerencie planilhas. Assim você se torna capaz de fazer a
gestão financeira de maneira clara, simples e rápida. Você não sabe como fazer um fluxo
financeiro eficiente, começando pelo fluxo de caixa de sua loja? Observe algumas boas dicas e
aprenda a manter a saúde de sua ótica em alta!

Utilize o fluxo de caixa diariamente

Mesmo que a ferramenta contabilize um período longo, que geralmente vai corresponder a um
ano-calendário, é importante que o gestor alimente os registros todos os dias. Somente assim, o
seu fluxo de caixa ficará atualizado com as informações. É com base nelas que você poderá
se nortear para tomar boas decisões de compra, avaliação, tomada de empréstimos, entre outros
casos.

Categorize e registre cada fluxo financeiro

Qualquer movimentação financeira deve corresponder a uma categoria própria. Não basta
separar tudo em Despesas e Receitas. Você vendeu um produto à vista? Coloque o valor, a data
e os demais dados na parte de “Receitas de Produtos” de sua planilha.
Você precisa investir determinado montante em publicidade? Coloque na parte “Despesas de
Marketing”. E continue essa segmentação com todas as despesas e receitas. Esse detalhamento
vai possibilitar o entendimento de onde a empresa tem gastado demais e o que a faz ter mais
entradas de recursos.

Corte as despesas supérfluas

Agora que você entende para onde vai seu dinheiro, procure diminuir as despesas que são
desnecessárias ou excessivas. Até mesmo cortar, se possível. Isso não significará apenas mais
dinheiro em caixa para sua organização. Significa também que otimizará os registros de seu
fluxo de caixa, visto que terá menos lançamentos de despesas para atualizar.

Gerencie bem seu estoque

Seu estoque é um capital imobilizado em sua ótica. Ele não rende juros e impede que você
invista seu valor em outras oportunidades de negócio enquanto não vender os itens estocados.
Por isso, é importante que você otimize o estoque, controlando bem as entradas e saídas de
produtos.

Isso permitirá que você tenha uma boa visão de mercado, a fim de se manter bastante certeiro
nos pedidos de suprimentos aos fornecedores. Renovar o estoque de maneira errada pode
desequilibrar seu caixa.

Descubra o saldo final diário do caixa

Vale a pena monitorar continuamente o saldo final diário de seu negócio. Calcule a diferença
que existe entre o valor das saídas e o valor das entradas financeiras, somando o resultado ao
saldo inicial do caixa. Isso vai lhe dar noção das flutuações existentes ao longo do mês.

Além disso, também possibilitará que tenha maior previsibilidade e planejamento para os meses
seguintes. Déficit no caixa denota que está saindo mais dinheiro do que entrando na ótica, o que
não significa que há prejuízo. É isso que ocorre quando as despesas e os custos são maiores do
que as vendas realizadas no período.

Para um bom fluxo financeiro, analise os resultados do negócio

Com um programa específico para óticas será muito mais fácil, mesmo sem entender de
contabilidade, visualizar os quadros com resultados contábeis da ótica. Pode-se observar o fluxo
de caixa consolidado, chegando ao lucro ou prejuízo acumulado no mês. Ele também te permite
fazer outras análises do fluxo financeiro. Como por exemplo: as contas a pagar e a receber, giro
do estoque e muito mais, todos extraídos do sistema.

O fluxo de caixa é uma ferramenta essencial para ter uma visão eficiente de como está o fluxo
financeiro da sua ótica. É ele que te dará tranquilidade em relação ao futuro de seu
empreendimento.

Fonte: ssotica